REGIONAL OSASCO

Av. dos Autonomistas, 2455 - Centro - Osasco - SP
Fone: (11) 3683-1144
email: renascerosasco@igospel.com.br

ORAÇÃO DE DAVI



Neste Ano Apostólico de Davi, eu declaro: Será o ano da minha vida, de vitória, restauração, conquista, ano de ser ungido rei.

Senhor Jesus Cristo, hoje eu declaro, que verei com os meus olhos os inimigos derrotados, e todos os gigantes levantados por satanás para afrontar o Senhor e destruir a minha vida e a minha família, vão cair por terra, agora!! Vão cair por terra, em nome de Jesus.

Eu profetizo que este ano eu terei restauração, restituição, prosperidade. Vou alargar as estacas da minha tenda, e que este ano eu e a minha família vamos restituir a alegria, a Arca e vamos conquistar Jerusalém, em nome de Jesus.

A partir de agora eu tenho o óleo do ungido, eu sou aquele que se vale da Arca do Senhor. Viverei o melhor ano da história da minha vida, até hoje, em Nome de Jesus!

Toda malignidade, toda mentira do inferno está quebrada.

O meu corpo será saudável, todas as bênçãos espirituais encherão a minha casa, em nome de Jesus.

Eu levanto as minhas mãos, declaro e profetizo; aonde eu for Deus me dará vitórias! Eu conquistarei os lugares altos.

Este ano eu conquistarei Jerusalém pelo Poder.

A minha boca se encherá de risos, e haverá dias de festa na minha vida.

A restituição, que estava proibida, estará presente 365 dias na minha vida, na minha casa e na minha família.

Aonde eu for Deus me dará vitória.

Ano de Davi, ano de ser ungido rei do Senhor, ano de colocar todos os gigantes debaixo dos meus pés.

Em nome de Jesus.

Em nome de Jesus, Amém!!!.

As 12 Bençãos Apostolica do mês Abril/2009

Neste tempo de reconstrução, o povo de Deus será honrado com restauração, restituição e renovação, explicou o Apóstolo na ceia
Na ceia de oficiais deste mês de abril, que aconteceu no último sábado (dia 4), o Apóstolo Estevam Hernandes ministrou a Igreja sobre a Oferta de Páscoa. Ele falou sobre o texto de 2º Crônicas, capítulos 34 e 35, que mostra o que o rei Josias fez para renovar a aliança entre o povo de Israel e Deus.

“Josias se levantou para mandar restaurar o templo, tirar todas as ruínas. Ele deu uma grande oferta, não só por ele, mas pelo povo todo... Ele renova a casa do Senhor e celebra a Páscoa”, explicou o Apóstolo, acrescentando que essa oferta trouxe restauração, renovação e restituição a todos. “Aquela foi uma oferta de fé e Deus abriu as janelas dos céus para que o povo fosse abençoado”, disse ele.

O Apóstolo explicou à Igreja sobre a reconstrução do prédio da Sede, no Cambuci, cujo teto desabou em janeiro deste ano. Segundo ele, este momento de reconstrução é um tempo em que será muito abençoado. “Este é um momento estratégico de Deus. Nós não nos conformamos com as ruínas”, afirmou. Ele também disse que o povo vai viver a melhor Páscoa de sua vida. “Nós vamos viver uma Páscoa como nunca antes na história. É a marca daquele que reabriu o templo do Senhor”, acrescentou.

Conheça a seguir as 12 bênçãos ministradas pelo Apóstolo Estevam para o mês de abril:

1ª) Restauração com despojo. Tudo o que está em ruínas será restaurado e ainda trará mais do se tinha inicialmente;

2ª) Restituição. Não vai faltar nada, nem coisa grande, nem pequena. O Senhor vai restituir o que foi perdido e o que foi tirado;

3ª) Ressurreição. Em todas as áreas: de carreiras, sonhos, ministérios. Muitos sonhos “engavetados” vão ressuscitar;

4ª) Mudança de hábito, serão gerados hábitos de prosperidade. É o fim de todo hábito de miséria, pois Deus dará hábitos saudáveis;

5ª) Muitos vão receber ofertas de compra e vendas de negócios. O que vale 10, será comprado pelo povo de Deus por 5;

6ª) Bênção do escape. São todos os tipos de livramentos financeiros. Contas vão desaparecer e dívidas serão reduzidas;

7ª) Bênção das oportunidades. Muitas portas se abrirão, com empregos, passagens aéreas, compras de negócios;

8ª) Convites para viagens internacionais; prêmios de viagens em empresas. Também serão liberados convites para trabalhar em outros países;

9ª) Graça na família. Muitos serão abençoados por familiares;

10ª) Mudança de patamares. Pessoas vão subir degraus na vida financeira e profissional;

11ª) Processos e pagamentos serão liberados. Todas as coisas emperradas, serão liberadas. Leis vão mudar, haverá liberação de heranças familiares;

12ª) Anotar três milagres impossíveis, Deus vai realizar. Ele vai realizar o impossível na vida do povo.

04/04/2009 – Ceia dos Oficiais de Abril

clique aqui e Confira as fotos da Santa Ceia de oficiais do mês de abril, do ano apostólico de Davi. Temos as características espirituais de Davi em nossas vidas!






quinta-feira, 16 de outubro de 2008

PASTORA FERNANDA HERNANDES CONCEDE ENTREVISTA PARA PORTAL GUIAME

Crescendo na adversidade
Por Myrian Rosário
Ela é um bom exemplo de como o Senhor pode usar até mesmo a adversidade para fazer com que seus servos cresçam, amadureçam na fé e conquistem maior intimidade com Ele. Nos primeiros anos da Igreja Renascer em Cristo, Fernanda Hernandes era apenas uma adolescente filha de pastores sobre quem a mãe, Sônia, sempre falava nos seus programas de rádio e televisão. Hoje, aos 27 anos, casada há sete com Douglas Rasmussen e mãe de dois filhos - Davi de 5 e Carol de 3 anos, ela é respeitada em todo o Brasil como a Pastora Fê, a
herdeira natural da Bispa Sônia Hernandes, uma mulher bela e forte, que conhece o Senhor por andar com Ele.

Nessa entrevista exclusiva para o Portal Guia-me, ela fala sobre sofrimento, crescimento, vida com Deus e revela como uma educação baseada nos princípios sólidos da Palavra tem feito a
diferença em sua vida.

Guia-me: Como você se sente sendo a sucessora natural da Bispa Sônia?

Pra. Fê: Eu não enxergo as coisas assim. Acredito muito na continuidade. Meus pais me criaram para ser serva de Deus. Não fui criada para ser pastora, mas optei por isso porque enxerguei neles aquilo que alegrava os olhos de Deus. Com a ausência deles do Brasil fui fazer coisas que nunca tinha feito, como ministrar. Sempre vi os meus pais fazendo isso e coloquei
em prática tudo aquilo que tinha aprendido por toda a vida. Não faço nada com o objetivo de ser a sucessora, claro que eu sou a sucessora, mas meu propósito maior é dar continuidade ao trabalho deles.
Guia-me: Como você encarou tudo o que aconteceu e está acontecendo com seus
pais?

Pra. Fê: Foi o maior aprendizado da minha vida. Aprendi coisas que não havia aprendido na Faculdade nem nos cursos que fiz. Aprendi e cresci com a vida e no melhor lugar que existe: no meio do povo de Deus.
Guia-me: Como é ficar longe dos seus pais?

Pra. Fê: É difícil, mas em nenhum momento eu me senti abandonada. Pelo contrário, tenho me sentido abraçada pela minha mãe no colo de outras mulheres que também a consideram como mãe. Aonde quer que eu vá, sempre há um testemunho da ação de Deus na vida de muitas mulheres através da vida da minha mãe. Eu fui criada sempre "emprestando" meus pais para Deus. Agora só estou "emprestando" mais uma vez e com a certeza de que tudo vai passar. Como meu pai diz: "A espera não pode matar a esperança".
Guia-me: Como você se sentiu quando tudo aconteceu?

Pra. Fê: Eu sofri, chorei, mas nunca me senti agredida. Eu poderia ter ficado deprimida, ter dormido o dia inteiro, ter murmurado, mas decidi usar as armas espirituais. De novembro a maio de 2007 eu li a Bíblia inteira.Também fiz todos os jejuns que podia. Eu me fortaleci em Deus. Ministerialmente, era hora de desenterrar os talentos, de mostrar para Deus o que eu ia fazer com eles. É na hora da luta que a pessoa mostra o seu caráter.

Guia-me: Como tem sido a sua vida com tantas atividades: a igreja, os programas de TV, o marido e os filhos?

Pra. Fê: É ótimo estar sempre ocupada. Não tenho tempo para ficar deprimida, para ficar doente, nem para ser uma mulher problemática. Ser mãe é uma bênção. Meus dois filhos são o maior presente que Deus poderia me dar na vida. Eu e o Douglas estamos juntos há 11 anos e, em meio a todas dificuldades, me senti ainda mais segura por tê-los.

fonte: www.guiame.com.br

Nenhum comentário: